corrida

Os benefícios da corrida de rua para saúde dos joelhos

Muitas pessoas consideram a corrida como o melhor e mais democrático exercício físico. Afinal, é algo prático e simples, bastando apenas um tênis, roupa confortável e disposição.

Além de ser uma atividade física muito simples, a corrida, ainda, oferece uma série de benefícios para o corpo, bem como para a mente.

Em seguida, conheça alguns dos benefícios para os joelhos e pernas. Acompanhe.

Faz bem para os ossos

Quando a pessoa corre, ocorre maior geração de impacto nas articulações e ossos. A ciência demonstra que essa atividade ajuda na manutenção da massa óssea e, como consequência, há significativa evolução em seu fortalecimento.

Por isso, correr faz bem para pessoas de todas as idades. Especialmente para as mulheres pós-menopausa, pois nesse período os ossos podem passar por alguma debilidade. Correr ajuda a evitar problemas.

Faz bem para a musculatura

São os músculos que dão sustentação e garantem força aos joelhos. Sendo assim, quanto mais fortalecidos, melhor.

Ao correr, a pessoa exercita a musculatura interna e externa das coxas, panturrilha e glúteos. Basicamente, a corrida de rua é uma atividade simples que oferece resultados de meia dúzia de exercícios, em apenas um.

Faz bem para as articulações

Os joelhos estão entre as mais importantes articulações do corpo humano. Houve um tempo em que se pensava que correr prejudicava o funcionamento do joelho e de suas articulações. Estudos recentes, no entanto, indicam o contrário: praticar corrida faz bem.

Isso porque, da mesma maneira que acontece com os músculos da perna, correr pressiona a cartilagem dos quadris, tornozelos e joelhos. O trabalho constante de expansão e compressão que ocorre durante o exercício favorece o fortalecimento da cartilagem e dos ligamentos, com o passar do tempo.

Outros benefícios da corrida de rua

Além de fortalecer as articulações e a musculatura, o que é muito importante para proteger os joelhos de lesões, instabilidade e falta de força, alguns outros benefícios são obtidos. Veja em seguida:

  • Melhora a circulação do sangue.
  • Aumenta a disposição física.
  • Ajuda a manter o peso.
  • Ajuda a controlar os níveis de colesterol.
  • Contribui no combate aos sintomas de depressão e ansiedade.
  • Auxilia na melhora da capacidade cognitiva.
  • Eleva a capacidade cardiovascular.

Antes de começar

Assim como qualquer outro tipo de atividade, é importante se informar antes de começar. Um educador físico, um clínico e um ortopedista são os mais importantes para isso.

Por exemplo, talvez a pessoa tenha algum problema na articulação e não saiba. Ao correr, entretanto, começa a sentir dor e desconforto, que podem ocasionar uma lesão. Havendo avaliação de um ortopedista e os eventuais problemas sendo tratados, o início das atividades teriam total segurança.

Além disso, basta que a pessoa respeite os próprios limites. Começar aos poucos e, progressivamente, aumentar o tempo de corrida é a melhor maneira de não cansar demais nem colocar as articulações do joelho em risco.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter, e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como  ortopedista em Aracaju.

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp